Tags

vinho_5-e1367575990395A maioria dos vinhos disponíveis nas prateleiras de lojas de vinho e supermercados são vinhos para consumo imediato. No entanto, nem sempre consumimos nossos vinhos na mesma medida em que compramos. Muitos vinhos estão prontos para beber, mas ficarão melhores ainda após um tempo envelhecendo na garrafa. Nestes casos, vale a pena ter alguns cuidados ao armazená-los.

Evitar variações de temperatura, luz forte, odores, excesso ou falta de umidade, pois são nocivos à evolução do vinho na garrafa. Mantê-los na posição horizontal previne que a rolha resseque e se retraia, o que poderia permitir a entrada de ar, danificando-os através da ação do oxigênio.

adegaoko2Outra alternativa é a aquisição de uma adega climatizada, dotada de controle de temperatura e umidade. Essa solução é mais cara, mas excelente do ponto de vista de economia de espaço.

Se houver bastante espaço na casa, e a perspectiva de guarda for de muitas dúzias de garrafas, o ideal seria a construção de uma adega projetada sob medida, já que nossas habitações raramente são dotadas de “caves” naturais no subsolo como aquelas encontradas nas zonas temperadas mundo afora.

Saúde!

Fonte: L’Orangerie